Blog Aprender Brincando Blog Aprender Brincando
07 fev

Três dicas de livros para trabalhar a literatura na PlayTable

Novidades da Playmove playtable_contacao

Com mais um ano letivo chegando, é importante que educadores estejam preparados para introduzir a literatura no ambiente de ensino. Já falamos aqui sobre a importância do letramento e as histórias apresentadas neste processo são um trunfo para o sucesso.

Durante a contação de histórias, a literatura é apresentada de uma maneira divertida e leve. Com entonação de voz, figuras, formatos e cores, as crianças conseguem assimilar pela audição e visão aquilo que os livros trazem. No aplicativo Contador de Histórias, da PlayTable, algumas das opções abordam assuntos específicos e são ótimas indicações para a introdução da literatura em sala de aula.

Confira três obras que indicamos para serem utilizadas na rotina de estudos:

1 – Brincando com as palavras: indicado para crianças a partir dos três anos, pode ser trabalhado ainda na pré-escola. É uma opção para atrair os alunos para a beleza e magia da escrita. Na narrativa, a sonoridade das palavras e as rimas ganham destaque. Além de introduzir as crianças no universo na literatura, apoiam e incentivam a pronúncia e memorização do som das palavras que são tratadas na obra. É indicado também para o uso em aulas de reforço e com crianças que tenham dificuldade de pronúncia, já que ajuda na inclusão delas. A obra foi desenvolvida em uma parceria entre os escritores Cristina Marques e Arão Barbi.

2 – Silêncio: além de ser uma ótima opção para a criança ingressar no mundo da literatura, a obra trata de um tema fundamental – a rotina de alunos com deficiência auditiva e como garantir que sejam incluídos ao dia a dia da escola. Com sensibilidade e clareza, fala sobre o mundo de quem não ouve e como se comunicar com quem é diferente. A obra é da escritora catarinense Leoní Cimardi. Ela é também professora e autora de outros livros, como o Trem e a Estação, Tem gente que não enxerga e Romieta e Julieu.

3 – Castelos das Letras: dois extremos entre os castelos marcam a narrativa do livro. Um, tão agitado e barulhento, enquanto o outro é só silêncio. Mas o que pode acontecer quando os moradores de ambas as construções – as vogais e consoantes – se unirem? Nessa obra, indicada especialmente para crianças em fase de alfabetização, a atenção se volta justamente para a magia das letrinhas que se unem e formam novas palavras. No decorrer da leitura, a pronúncia de cada uma das letras ganha destaque. A versão digital conta ainda com música e narração contínua.

Cristina Marques, que tem mais de 25 anos de experiência no mercado editorial é autora deste livro. presidente do Instituto Evoluir, criou ainda o projeto Troque lixo por livro e é pós-graduada em Educação pela Universidade Federal de Santa Catarina.

 

Comentários

Receba as nossas novidades

a gente promete só enviar notícias legais! ;)