Blog Aprender Brincando Blog Aprender Brincando
06 mar

Educação 4.0: o que é, como aplicar, quais os desafios e vantagens

Boas práticas ludopedagógicas

O termo pode parecer estranho, mas o fato é que ele define uma realidade já comum em sala de aula. Na Educação 4.0, a tecnologia ganha espaço, com inteligência artificial, linguagem computacional, soluções de ensino inovadoras e ainda o processo de learning by doing – o aprender fazendo.

Fato é que a tecnologia já está presente em diversos âmbitos da nossa vida. Seja no smartphone, na TV ou no tablet, estamos conectados a novas opções de lazer e aprendizagem o tempo todo. E essa realidade também está chegando à educação. São inovações aderentes a sala de aula, fáceis de aprender e de incorporar na rotina. Empresas e pessoas estão aderindo a novidades tecnológicas e a consequência é que elas também sejam o futuro do ensino.

Aplicando a Educação 4.0 na sua escola

Quando se fala em soluções para educação, é comum que surjam dúvidas e receios relacionados aos custos que elas irão demandar. Especialmente na escola pública, nem sempre há recursos para esse tipo de investimento. Cabe aqui uma reflexão: a nova geração de estudantes é a de nativos digitais. Para eles, a tecnologia é algo comum e parece irracional que ela seja proibida durante as aulas. Este não é o caminho, mas,sim, a consciência de que a mudança se faz necessária.

Antes de investir – ou buscar recursos – para inovação, pense em soluções que irão atender uma ampla gama de séries e de conteúdos. Os sistemas, jogos e aplicações multidisciplinares são os mais indicados para a otimização dos investimentos e o primeiro passo para o ingresso na Educação 4.0. No caso dos games da PlayTable, por exemplo, existem algumas questões que evidenciam o custo-benefício do produto: eles são desenvolvidos de acordo com as matérias aplicadas em sala de aula, abordam temas que englobam diversas disciplinas, contam com diferenciais para integração de alunos com deficiência e ainda apoiam no desenvolvimento da coordenação motora e cognitiva.

Desafios que a tecnologia traz para o ensino brasileiro

Trazer soluções tecnológicas ou mesmo conceitos que incentivam a prática na hora da aprendizagem, como o movimento Maker, impacta diretamente na cultura da educação brasileira.  A tradição comum à rotina escolar não precisa ser abolida e pode ser integrada às novidades da Educação 4.0. Investir em novas maneiras de ensino significa que a equipe de ensino precisa estar preparada para isso. E não apenas no que diz respeito à novidades, mas também na gestão e controle do tempo em sala de aula e até mesmo dos métodos de avaliação. O processo é, habitualmente natural, assim como acontece com o uso de novidades no nosso dia a dia: quando percebemos, aquele aplicativo recém lançado já é utilizado tranquilamente, sem dúvidas ou barreiras.

Por isso é fundamental que direção, professores e comunidade estejam juntos nesse momento, para transformar a instituição.

Vantagens da tecnologia em sala de aula

Vencer a barreira inicial faz com que os envolvidos percebam as vantagens que a tecnologia irá proporcionar ao ensino. Da otimização da gestão escolar e do preparo das aulas à aplicação de conteúdos de forma mais interessante, elas são inúmeras. As crianças, por exemplo, aprendem melhor com atividades lúdicas e os games eletrônicos são uma boa opção para isso. Por fim, há a integração de uma nova geração, que já não consegue mais focar a atenção em um modelo de ensino que não leve em consideração e evolução da comunidade como um todo.

Comentários

Do NOT follow this link or you will be banned from the site!

Receba as nossas novidades

a gente promete só enviar notícias legais! ;)